Meu Perfil
BRASIL, Norte, MANAUS, MONTE DAS OLIVEIRAS, Homem, de 20 a 25 anos, Portuguese, Música, Livros



Histórico


    Categorias
    Todas as mensagens
     poemas
     Cartas de Amor


    Votação
     Dê uma nota para meu blog


    Outros sites
     Para ser grande, sê inteiro - Klenicy
     Mi Casa, Su Casa - Bia
     Blog da Bia
     A toca do mocho velho, por José
     Maga Patalógica - por Renata Leite
     Blog do Alex
     Gavetas e Janelas
     Inquietacoes
     Mentiras Históricas - por Cláudia
     Sensível Desafio
     Stalingrado 2 - rafael
     Olhos de ver a vida
     Aprender a Cidadania
     Na Cafeteria
     Zeca Camargo
     O Poço e a Mola
     Prestenção!
     Rumor de Anjos - Blog da Laysa
     Stalingrado III
     Blog da Neila
     Jornal das pequenas coisas
     Blog da Line
     Blog da Maylaa


     
    Experimentando-me


    Gentem, depois de muitos anos por aqui, resolvi mudar de ares.

    O nome do blog é o mesmo, só muda o endereço para http://experimentandome.blogspot.com

    Encontro vcs por lá.

     

    Um abraço apertado, pessoas!

     

     



    Escrito por carlos às 13h31
    [] [envie esta mensagem] [ ]



    Vidamar

    Diante do mar da vida, prostro-me e delicio-me com o som de suas ondas namorando a praia. A maré, que até pouco era baixa, subiu, subiu e quase me cobre nas ondas maiores. Imperceptível até antes de eu engolir um pouco da sua água salgada, perdido no meio de um turbilhão de águas que me arrastou até a praia. Mas agora, essa vida-mar que me jogava pra fora, passou a me puxar pelas pernas para dentro dela, igualmente imperceptível no início, de modo que quando percebi estava longe, no meio da vida, me afogando no mar, tanta vida me inundando os pulmões, tão salgada a vida, tão ávida de meu corpo, tão lenta minha alma desvanecendo e, no entanto, sinto-a plena, absoluta, como se fosse preciso naufragar, tocar as profundezas para senti-la assim. E de tanto sentir, na vida, enfim, me dissolvo, torno-me mar, e vou pelos séculos, brincar com as praias e pedras de maré e ressaca.



    Escrito por carlos às 12h24
    [] [envie esta mensagem] [ ]




    [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]